Salvar a Lagoa dos Salgados do betão

Apesar do mar de betão que invadiu nas últimas décadas grande parte do litoral central do Algarve, entre os concelhos de Albufeira e Silves existe ainda um pequeno troço de costa que alberga um património natural e paisagístico únicos.
Localizada entre as ribeiras de Espiche e de Alcantarilha, a chamada zona da Praia Grande (Silves) reúne um conjunto excecional de valores naturais, com particular destaque para a avifauna aquática, pela presença de umas das mais importantes zonas húmidas do Algarve (Sapal de Pêra e Lagoa d os Salgados).
Por esta razão, nos últimos anos, em particular, a Lagoa dos Salgados, tornou-se um dos locais de observação de aves mais visitados do país, assumindo hoje um papel estratégico do ponto de vista paisagístico, turístico e ecológico da região, sendo possível aqui observar mais de 150 espécies, muitas delas com elevado estatuto de conservação e proteção.

O Algarve Central.Net apoia esta ação, promovida pela SPEA – A Sociedade Portuguesa para o estudo das Aves, pela defesa do nosso património natural, ameaçado pela perspectiva do desenvolvimento de mais um mega-projeto imobiliário-turístico, na qual a Lagoa se insere, isto apesar de ali mesmo lado coexistirem inúmeros exemplos que ilustram já a falência daquele modelo.

Perante a habitual e desconcertante indiferença das autoridades, o desenvolvimento equilibrado e sustentável é ainda possível na área da Praia Grande, esta plataforma irá organizar uma ‘Concentração’ de Amigos da Lagoa dos Salgados*, este Sábado, 20 de outubro 2012, com o objetivo de debater o futuro desta área, através da apresentação de alternativas, bem como dar a conhecer este valioso património e
necessidade de o proteger.

Sábado, dia 20 pelas 15h00
Ponto de encontro: parque de estacionamento da Praia Grande (Silves)

PROGRAMA PDF
Coordenadas: no GoogleEarth – 37° 5’44.36″N, 8°20’11.46″W

Inf. www.spea.pt   ou no Facebook

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *