Teatro: “Começar a acabar” de Samuel Beckett

A 27 Março no TEMPO – Teatro Municipal de Portimão.
Grande Auditório Nuno Mergulhão
21h30
M/16 | 90 min
Preço: 5,00€, sem descontos

O TEMPO comemora o Dia Mundial do Teatro com dois espectáculos: Primeiro um monólogo interpretado pelo actor João Lagarto. Começar a acabar é um trabalho dramatúrgico surpreendente que revisita os momentos mais significativos da obra de Samuel Beckett, que valeu a João Lagarto o Globo de Ouro para Melhor Actor de 2006.

Depois, e no âmbito da Oficina do Espectador, convidamos as escolas e as famílias a conhecer a história do teatro, através da peça Daqui vê-se melhor, escrita por Isabel Minhós Martins.

“Começar a acabar”

O Dia Mundial do Teatro com um nome incontornável da história do teatro – o escritor, poeta e dramaturgo Samuel Beckett, interpretado por um não menos incontornável nome do teatro português João Lagarto.
Começar a Acabar é um trabalho dramatúrgico surpreendente que revisita os momentos mais significativos da obra de Beckett. Para João Lagarto, Começar a Acabar é, antes de mais, um profundo acto de amizade entre dois irlandeses proeminentes: o dramaturgo Samuel Beckett e o actor Jack Macgowran, de onde resultou um monólogo de uma espantosa unidade dramática. Celebração da errância temática e da confessionalidade que habitam a obra do autor, Começar a Acabar é a desconcertante confirmação da máxima “Não há nada no mundo mais cómico do que a infelicidade.”
A obra, e o intérprete perfeito, para assinalar este dia.

Texto: Samuel Beckett
Direcção, tradução e interpretação: João Lagarto
Desenho de luz: José Carlos Gomes
Figurino: Ana Teresa Castelo
Música: Jorge Palma
Produção: Alice Prata
Design gráfico: Bernardo Providência
Co-produção: Teatro D. Maria II e ACE Teatro do Bolhão

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>